quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Reencontros

Agradáveis ou não, os reencontros são sempre acontecimentos inusitados. Ainda que seja aquele que você planejou há tanto tempo e que nunca dava certo. Você nunca sabe o que poderá acontecer durante um reencontro com uma ou mais pessoas. Afinal se é reencontro significa que vocês estão há muito tempo sem se ver. O que aumentam ainda mais as chances de as coisas terem mudado. Você não estava lá, como era de costume, para ter se dado conta disso. Mas se estivesse com certeza não se daria conta também, afinal quando vemos uma pessoa frequentemente não notamos tanto as suas mudanças, notamos mais quando a vemos raramente. É só olhar os seus irmãos por exemplo, não parece que eles cresceram assim como nós não sentimos que crescemos nem que mudamos tanto. Por isso é natural ouvir daquele pessoa que você reencontrou depois de muito tempo um "Nossa como você esta mudada!" ou um "Você está muito diferente da ultima vez que te vi". Fora isso não tem muito mais o que se imaginar sobre um reencontro. Não dá pra saber se as pessoas vão estar iguais fisicamente ou psicologicamente ao que eram quando você convivia com elas. Bate até um certo medo de que a conversa não flua bem ou de que a distancia e o tempo que passou tenham desfeito os laços que uniram vocês algum dia. A insegurança de saber que vamos reencontrar alguém é quase inevitável. Mas que bom que quase sempre tudo corre muito bem. No começo a gente fica meio travado mesmo, mas depois com o tempo nos soltamos. Percebemos que apesar das mudanças aquela pessoa ainda é a mesma de alguns anos atrás e que as afinidaddes que vocês tinham continuam presentes e sempre vão estar lá. Só não rola insegurança, alias, quando o reencontro é por acaso. Nesse caso não tem nem sequer aquela preparação psicológica de ficar pensando em possiveis assuntos pra puxar, ou possiveis comentários pra fazer se a conversa empacar. Você as vezes até demora pra lembrar e ter certeza que você conhece sim aquela pessoa de algum lugar. Melhor quando tomamos a iniciativa e vamos até lá falar com ela, pois se acontece ao contrário corremos o risco de não nos lembrarmos dela e darmos algum vexame. Mas se você der sorte e todo mundo se lembrar de todo mundo esse reencontro pode ser até melhor do que um programado. A conversa é curta, apressada, mas parece que ambas as partes tiram um peso da consciencia de ter perdido contato uma com a outra algum dia. Não tem reencontro que seja ruim. Até aqueles com pessoas que a gente não gostava muito e quem sabe nem fale mais, te trazem recordações. As vezes você nem se lembra porque não gostava dela ou porque deixaram de se falar, mas com certeza se lembra dos momentos bons que passou quando a conhecia. Reencontros reacendem sentimentos e emoções na nossa cabeça e no nosso coração, e sempre deixam algo de bom!

5 comentários:

LUAN_FERNANDO_ disse...

É verdade, reencontros sampre traz boas lembraças e sentimentos.
Só uma coisa, vc faz uma coisa que nenhum outro blog q eu conheço faz, vc faz eu cansa de ler, só textos e historias enormes ^^
mas, pega nada não, pode continua, q eu sempre estarei aqui, sou fiel!
Beijo =*

LUAN_FERNANDO_ disse...

Nao diria cansativos, porque eles são bons, então ate é prazeoso ler eles, então não usaria essa palavra, e também, foi uma piadinha, não esquenta a cabeça nao, continue escrevendo, porque sempre estarei aqui!
beijo

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Juh* disse...

Eu gosto de reencontros!

Sempre deixam uma emoção, seja boa ou não e faz vc refletir!!

Catraca vc tem que ler o Lua Nova!
Baixe da net e comece as ler agora mesmo! É mto melhor que Crepúsculo!

Eu precisava te dizer isso!! hahaha

Bjooss

LUAN_FERNANDO_ disse...

Selo pra vc! lá no Sentimento Padrão!